Veja Algumas Dicas Para Viagens Independentes

0

Muitas pessoas gostam e só pensam em viajar. Mas muitas viagens não podem ser realizadas na companhia de outra pessoa e alguns problemas podem surgir. O idioma, o que fazer no destino escolhido e até mesmo os gastos. Esses fatores podem inibir o viajante para comprar passagens aéreas baratas.

Confira algumas dicas para uma viagem independente e para não deixar de comprar passagens aéreas baratas.

1 – Não domina o idioma

viagem independente

– Medo

Em uma viagem internacional, o idioma pode ser um obstáculo para fazer algumas atividades. Coisas básicas como falar com o atendente do hotel, pegar o caminho de volta, pegar um ônibus, pedir um prato, solicitar atendimento médico podem gerar grandes dificuldades.

– Segurança

O ideal em uma viagem internacional é dominar, pelo menos o básico, do inglês ou espanhol. O inglês é a terceira língua mais falada em todo o mundo e em praticamente todos os locais, ela é usada para se comunicar.

O básico já dar alguma segurança para resolver algum problema. Além disso, em vários pontos turísticos tem sempre alguém que sabe um pouco de inglês ou espanhol.

A dica é começar a viajar em países em que a língua seja a mesma. Dessa maneira, algumas ideias já serão absorvidas.

– Mas o que fazer?

Um dos meios que estão sendo mais usados são os aplicativos de tradução. Entre os mais conhecidos estão Google Translate ou iTranslate. Outra dica importante são os mapas. O Google Maps é um dos mais usados.

Dicas mais antigas como mapas ou livros de frases prontas ajudam bastante também.

2 – Os gastos além do planejado

– Medo

Se o turista viaja com tudo contado, ou seja, com o pacote completo e pago de uma só vez, é normal não se preocupar com alguma taxa adicional ou despesa extra. Caso algum desses problemas aconteça, ele pode trazer dor de cabeça e gerar insegurança. Todo mundo quer do bom e do melhor, mas gastos extras ninguém quer.

– Seguarança

Existem diversas operadoras financeiras que garantem o voo com segurança, garantem a hospedagem e serviços como aluguel de carro, por exemplo. Se programar de forma antecipada também é uma excelente opção para evitar gastos extras.

– Mas o que fazer?

O ideal é o viajante colocar na ponta do lápis todos os gastos que serão realizados e eles devem ser seguidos a risca. Mas lembre-se: se faltar dinheiro, o problema é do viajante.

Evita gastos exorbitantes com hotéis cinco estrelas também ser evitado. Um bom hotel três estrelas já proporciona um bom conforto.

Essas dicas devem ser seguidas a risca e dessa forma, imprevistos serão evitados. Não é necessário optar por opções caras para uma boa viagem.

Veja também:

+ 10 lugares inesquecíveis para conhecer no exterior.

3 – Organizar tudo sozinho é estressante?

– Medo

Qualquer viagem deve ser realizada com muita organização, seja no Brasil ou no exterior. Mas diversas coisas passam pela cabeça no momento de organizar a viagem: reserva de hotel, seguro, alimentação, bebidas, dinheiro e lugares que serão visitados.

– Segurança

Como foi dito anteriormente, tudo deve ser organizado com muita antecedência. Existem diversos sites e blogs que passam diversas dicas e através delas é possível sentir segurança no momento de organizar a viagem. Tudo isso bem antes de entrar no avião.

– Mas o que fazer?

Tempo é tudo em todas as situações e em relação às viagens não é deferente. Caso a viagem seja algo simples e apenas para um bom descanso, um único local pode ser escolhido. Uma excelente dica é passar uma semana em alguma das praias de Portugal ou alguns passeios em Roma.

Outra dica é checar com antecedência o meio de locomoção que será usado durante a viagem.

Lembre-se: organização faz a diferença.

viagem independente

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.