Financiamento De Moto Sem Entrada – Saiba Como Conseguir

0

Você sabia que é possível conseguir um financiamento de moto sem precisar dar entrada? Bem, além de essa possibilidade existir, ao adquirir uma moto, o cliente pode entrar no mercado de trabalho através de um novo emprego ou até mesmo conseguir uma promoção no emprego atual.

Além disso, um financiamento de moto pode ser a solução para não andar mais a pé e para ter um meio de locomoção mesmo estando sem dinheiro.

Dessa forma, preparamos uma matéria sobre financiamento de moto para que você possa tomar a melhor decisão. Inclusive, é possível analisar as melhores condições financeiras dentro de uma negociação.

Um financiamento de moto vale a pena?

financiamento de moto

Uma das melhores coisas é ter a independência de locomoção, não é mesmo? Isso significa que um financiamento de moto, para muitas pessoas, é uma necessidade básica para poder sobreviver.

Além do mais, em muitas cidades, o transporte público deixa muito a desejar pela falta qualidade.

Dessa forma, comprar uma moto tem se tornado cada vez mais uma necessidade entre as pessoas. Mas, muitas vezes, isso não é possível devido a falta de dinheiro para dar uma entrada.

E aí, que vem a pergunta: um financiamento de moto sem dar entrada vale a pena?

Bem, a resposta para isso é muito pessoal. De toda forma, um financiamento de moto sem entrada pode ser uma excelente alternativa para os clientes e para as empresas que não querem perder seus clientes.

E a possibilidade de um financiamento de moto deve ser analisada com calma para que a melhor solução seja encontrada.

Financiamento de moto sem entrada

Antes de qualquer coisa é muito importante o cliente estar com todos os documentos necessários para poder realizar um financiamento de moto sem a necessidade de dar entrada.

Além disso, é muito importante compreender a seguinte situação: nem sempre um financiamento de moto sem dar entrada pode ser a melhor solução, já que as parcelas podem ser oneradas em relação aos juros.

Contudo, em alguns casos específicos, o solicitante precisa de um transporte com urgência e não tem recursos para poder dar uma entrada. E nesse caso também é possível realizar um empréstimo para poder comprar uma moto.

De toda forma, o que vamos deixar claro aqui é sobre os diversos métodos existentes no mercado que podem viabilizar a compra de uma moto dentro dessas condições: financiamento, consórcio e leasing.

Vale salientar que cada maneira tem suas vantagens e desvantagens e cada pessoa deve escolher qual é o que melhor se encaixa em sua vida.

Financiamento da Moto Honda sem entrada – saiba como fazer

Bem, essa é uma das perguntas que existem muitas possibilidades de respostas: o cliente sabe de fato quanto custa uma moto nova da Honda?

Dessa forma, vamos falar sobre como comprar a Moto Honda sem entrada considerando uma das versões mais sofisticadas da marca: CG 160 Start. E essa moto pode ter parcelas de R$ 151,00, sabia?

Ao realizar um financiamento de moto sem entrada, as parcelas podem ficar no valor de R$ 151,00 se o prazo de pagamento for de 80 meses. E ela pode ser adquirida pelo Consórcio Nacional Honda.

Além disso, outra maneira de comprar uma moto Honda sem entrada é pelo consórcio. Aliás, essa maneira permite a compra de produtos com alto valor de maneira parcelada.

Contudo, mesmo tendo semelhanças com um empréstimo bancário, existem diferenças.

E ele funciona da seguinte maneira: o cliente opta por um prazo de pagamento e paga as parcelas de forma mensal até o final de contrato. Em seguida, ele retira a carta de crédito ou o bem que deseja. E sendo a Honda, pode ser uma moto ou um carro.

Moto Yamaha sem dar entrada – veja como fazer

financiamento de moto

Comprar uma moto Yamaha também não exige tanta complicação, mas é necessário ter atenção junto aos detalhes dos juros e as taxas a longo prazo.

Assim como a Honda, a Yamaha possui uma planilha do seu consórcio que está a disposição na internet e que mostra que as taxas mudam de acordo com os prazos de pagamento.

Para você ficar por dentro de como funciona a transação, a taxa mensal de administração varia de 0,2% ao mês até 1,5% ao mês.

Já o fundo de reserva da Yamaha ou Honda, ela também varia, ficando entre 0,02% e 0,125% por mês. Vale salientar que no momento de solicitar um financiamento de moto na Yamaha, os prazos disponíveis são: 12, 25, 36, 50, 60. 72 e 80.

Vantagens de adquirir uma Moto Yamaha

Ao adquirir um financiamento de moto e ter um das motos que é considerada uma das queridinhas do Brasil, cliente vai estar dentro de uma marca que possui um dos melhores valores para aquisição do mercado. Ah, inclusive, ela investe em tecnologia alta para melhorar os modelos da categoria.

Quais são os documentos necessários para um financiamento de moto?

Para realizar um financiamento de moto é necessário disponibilizar os seguintes documentos:

– RG

– CNH ou CPF

– Comprovação de renda: contracheque ou extrato bancário

– Comprovante de residência: últimos três meses

Vale salientar que a financeira ou concessionária pode solicitar outro documento.

Veja também:

+ Empréstimo Pessoal Nubank – consulte as condições.

Contato Honda

Para mais informações acesse o SITE HONDA ou entre em contato pelo WhatsApp: (11) 2172 7007.

– Administradora de Consórcio Nacional Honda LTDA, Avenida Sen. Roberto Simonsen, n° 304, Santo Antonio, São Caetano do Sul/SP.

financiamento de moto

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.